COMPARTILHAR
Jailson

O arbitro assinalou pênalti no segundo tempo entre Palmeiras e Red Bull Brasil. O placar estava 1 a 1 e poderia colocar fim a invencibilidade de Jailson no gol alviverde. No entanto, a tensão do goleiro nada tinha a ver com o seu tempo se sofrer derrotas. Antes de festejar mais uma defesa, ele temeu. E pediu por proteção divina.

Fã confesso de São Marcos, Jailson foi até as redes, se alongou e se agigantou no gol alviverde. Defendeu não apenas o pênalti, mas o rebote da equipe adversária. Por que o medo de Jailson? Ele explica!

“Na hora eu até fiquei um pouco triste. Foi no mesmo gol que eu machuquei, na Libertadores. Aí eu balancei um pouco a rede ali, orei e pedi a Deus para ajudar a nossa equipe, a gente merecia muito esse resultado. Graças a Deus eu pude ajudar, a equipe está de parabéns. Fiquei um pouco emocionado quando acabou o jogo. Foi no gol que eu tinha machucado, uma contusão rara. Graças a Deus deu tudo certo”, declarou.

# Milhares pessoas já estão ganhando dinheiro apostando na BUMBET, cadastre-se e fature um bônus de boas-vindas!

Palmeirense assumido, Jailson reconhece qualidade de seus concorrentes

Com 38 jogos pelo Palmeiras, Jailson defende uma marca expressiva: agora são 24 jogos de invencibilidade pelo clube, mas sabe que as sombras no banco são gigantescas. “Passa um filme na minha cabeça, fiquei um ano e meio só treinando, esperando essa oportunidade. Quando apareceu pude mostrar meu trabalho, ajudar a minha equipe… A gente sabe que só pode jogar um. Tem de trabalhar bastante para dar conta do recado”, frisou.

Em números gerais, são 25 vitórias, 12 empates e apenas uma derrota do goleiro com a camisa alviverde. Muito querido pelos torcedores, ele agradece o apoio da arquibancada. “Agradeço muito esse carinho da torcida, sou um cara que, já falei, sou torcedor fanático do Palmeiras. Quando eu entro dentro de campo é para ajudar mesmo os companheiros”, finalizou Jailson.

# Entre na BUMBET para apostar nos jogos do Palmeiras e faturar alto!