COMPARTILHAR

Dispensado por uma mensagem de texto do Chelsea, Diego Costa não descartou a possibilidade de topar um empréstimo de seis meses ao futebol brasileiro. Como assim? Por que Diego Costa apenas não acertaria a sua transferência para outro time do Velho Continente nesta janela?

Vontade de retornar ao Atlético de Madrid possibilitaria empréstimo

Com dois anos de contratos com o Chelsea, o atacante naturalizado espanhol não está nos planos do clube inglês. No entanto, a sua intenção é retornar para o Atlético Madrid, que cumpre uma punição da Fifa e só poderia acertar a contratação de novas peças no começo de 2018.

Desta maneira, Diego Costa toparia ser emprestado para algum time da Espanha, Itália e do Brasil. Em entrevista ao Mundo Deportivo, ele cita que foi “convertido” por um familiar para torcedor pelo Palmeiras, mas que esta poderia ser uma excelente chance de voltar ao futebol brasileiro.

Empolgação da torcida alviverde

Isso foi o suficiente para que a torcida alviverde lotasse as redes sociais do atacante com pedidos para que venha jogar no Allianz Parque. Além disso, o atacante pousou para uma foto ao lado dos palmeirenses Borja e Mina após um amistoso entre Espanha e Colômbia.

A imprensa esportiva brasileira chegou a cogitar que o acordo de empréstimo pode realmente estar sendo selado pelas diretorias dos clubes envolvidos. Contudo, nenhuma fonte oficial se pronunciou a respeito do negócio.

A janela de transferência para o futebol europeu começa no dia 20 de junho e pode trazer mais informações. Enquanto isso, Palmeiras segue em busca de um centroavante e Diego Costa de um novo clube.