COMPARTILHAR
O jogador Rafael Marques, da SE Palmeiras, comemora seu gol contra a equipe do Botafogo FC, durante partida válida pelas oitavas-de-final, da Copa do Brasil, na Arena Allianz Parque.

Contratado pelo Verdão em 2004, Rafael Marques sofreu por ser jovem demais e acabou tendo vida curta no clube em sua primeira passagem. Ele, contudo, não se abateu, passou por algumas equipes, inclusive da Turquia (onde se naturalizou) e do Japão, e voltou ao Brasil em 2012, para vestir a camisa do Botafogo.

No time carioca, fez sucesso sendo comandado pelo técnico Oswaldo de Oliveira. Em 2014, foi vendido ao futebol chinês, mas, descontente, não pensou duas vezes em aceitar o desafio de, pela segunda vez, tentar brilhar com o manto alviverde.

Segunda passagem e dois títulos nacionais

E brilhou. Após o Paulista de 2015, muito já havia sido mostrado. Foram 16 confrontos e seis gols, sendo dois contra o São Paulo e um diante do Corinthians, o qual levou a decisão da semifinal para os pênaltis – vencida pelo Palmeiras. Tal desempenho levou a torcida a cantar “sai, sai da frente, sai que o Rafael é chapa quente”.

No Brasileirão, foram mais sete bolas na rede em 32 jogos e na campanha do título da Copa do Brasil, dois tentos (um importantíssimo contra o Internacional, em Porto Alegre-RS) em oito embates. Com 15 gols ao todo, ele foi o vice-artilheiro do ano, atrás apenas de Dudu.

Em 2016, Rafa perdeu espaço por conta da concorrência no ataque, mas não deixou de receber chances (alcançou, inclusive, a marca de 100 embates pelo clube) e balançar as redes rivais, sendo conhecido como “homem clássico”.

Relembre os gols de Rafa Marques nos clássicos pelo Verdão

FICHA TÉCNICA
Nome: Rafael Marques Mariano
Posição: Atacante
Naturalidade: Araraquara/SP
Nascimento: 27/05/1983
Altura: 1.90m
Camisa: 19
Jogos: 106
Gols: 22
Clubes: Campinas (2002), Ponte Preta (2003), Palmeiras (2004), Inter de Limeira (2005), Marília (2005), Samsunspor-TUR (2005-2006), Manisaspor-TUR (2006-2009), Omiya Ardija-JAP (2009-2012), Botafogo (2012-2013), Henan Jianye-CHN (2014) e Palmeiras (desde 2015)
Títulos: Segunda Divisão Turca (2008-09), Campeonato Carioca (2013), Copa do Brasil (2015) e Campeonato Brasileiro (2016)