COMPARTILHAR
Roger Machado

O Verdão venceu a sexta partida consecutiva no Campeonato Paulista e nada de braçada na liderança do Grupo C com 18 pontos marcados. No entanto, o treinador Roger Machado fez questão de valorizar a vitória e o comprometimento de todo o seu elenco.

“É uma atuação segura e madura de um time em evolução, mas sabemos que o futebol é ingrato. Se a bola do Mirassol entra, se o Lucas (Lima) não tira em cima da linha, o jogo poderia ter outro panorama. Futebol é apaixonante também por causa disso”, analisou.

# Milhares pessoas já estão ganhando dinheiro apostando na BUMBET, cadastre-se e fature um bônus de boas-vindas!

Roger Machado valoriza vitória na ‘metade do Paulista’

Para o treinador palestrino, trabalhar “jogo a jogo” tem sido fundamental para manter a boa fase da equipe alviverde. “O ponto principal adotado para esse jogo foi que chegamos à metade do Paulistão. Se não ganhássemos pontos, poderíamos dar chance para que os adversários chegassem. Manter a boa campanha dá vantagens de decisão até o final. Vir para longe de casa e superar um adversário motivado, que vinha de bons resultados, fortalece muito o coletivo da equipe”, disse.

Questionado a respeito da doação de todos os atletas na marcação, inclusive os homens de frente, Roger reforço que esta é uma obrigação de todos. “É uma conta matemática: não posso atacar com oito e defender com cinco. Não tem esta possibilidade, a não ser que todos os jogadores estejam ali somente para marcar e tomar a bola do adversário. Preciso da colaboração de todos. Assim se constrói um grupo campeão: com defesa sólida”, comentou.

Por fim, Roger agradeceu a entrega dos que entraram em campo e a compressão de quem ficou no banco ou fora da partida. “Há um grupo de 30 jogadores e todos querem jogar, porque a carreira é curta. Mas quando há compreensão de que o processo, o todo, pode ser importante com cada peça daquela coletividade, o jogador vem junto”, finalizou.

# Entre na BUMBET para apostar nos jogos do Palmeiras e faturar alto!