COMPARTILHAR
borja

O Palmeiras começou a fazer o placar em cima do Bragantino após a troca de Borja por Keno, que abriu o marcador. Ainda questionado, o colombiano tem um gol em 4 partidas e tem se mostrado mais ligado e participativo do que na temporada passada. Por isso, ele tem a confiança de Roger Machado.

“Quando a gente não cria é o problema. O Borja teve duas, três oportunidades de gol porque gerou essa possibilidade para ele com suas virtudes, diagonais, segurando a bola… Nesse início de temporada a perna pesa um pouco mais. O Borja iniciou todos os quatro jogos. Que bom que aqueles que entram, entram bem. Me dá um leque de opções para mudar se desejar”, declarou o comandante alviverde.

# Milhares pessoas já estão ganhando dinheiro apostando na BUMBET, cadastre-se e fature um bônus de boas-vindas!

Borja teve chances, mas também serviu os companheiros

No tempo que ficou em campo, Borja esteve envolvido em quase todas as oportunidades de gol do Palmeiras, que chegou a ter 80% da posse de bola no confronto contra o Bragantino. Em um lance, ele realizou grande jogada pelo lado do campo e cruzou para a área com Tche Tche finalizando para fora.

Mas, ele não conseguiu finalizar com cuidado na chance mais clara. Ele recebeu ótimo lançamento de Lucas Lima, ganhou no corpo do zagueiro e finalizou em cima do goleiro. Ele foi substituído aos 16 minutos do segundo tempo.

“As alterações não foram porque a gente não estava produzindo. Desde o primeiro momento, conseguimos um domínio muito grande, fazendo jogadas de profundidade e criando situações de gol. No segundo tempo colocamos jogadores descansados, com características diferentes”, explicou Roger.

Com Deyverson machucado, Borja é a única opção de centroavante de referencia. O substituto imediato, Willian, é uma referencia com mais mobilidade e velocidade. A oportunidade para Borja corresponder a confiança do chefe será no clássico diante do Santos, no domingo.

# Entre na BUMBET para apostar nos jogos do Palmeiras e faturar alto!