COMPARTILHAR

O problema de um volante marcador pode estar perto de ser resolvido no Palmeiras. Isso acontece porque Bruno Henrique finalizou todos os seus exames clínicos na Academia de Futebol e só fica no aguardo da sua regularização na Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Como seu nome não foi publicado no Boletim Informativo Diário (BID) até as 18h desta terça, o meio-campista não terá condições de ficar à disposição para o jogo desta quarta, contra o Atlético-GO. Por isso, Tche Tche e Jean devem formar a dupla de meio-campo com Guerra mais a frente.

Falta muito?

Depois de concluir toda a parte de avaliação médica, o atleta contratado do Palermo, na Itália, já foi autorizado a fazer a sua preparação física. Mesmo que tenha participado ativamente do Campeonato Italiano, com 24 partidas como titular, o volante estava de férias e necessita passar por um processo de recondicionamento.

O objetivo do técnico Cuca é que o volante esteja em plenas condições de jogo para encarar o Barcelona, do Equador, no primeiro jogo das oitavas de final da Libertadores da América, no dia 5 de julho.

Bruno Henrique poderá ser o único volante de oficio do elenco mesmo nesta data, uma vez que Felipe Melo, Thiago Santos e Arouca seguem entregues ao departamento médico. Thiago Santos deve ser o primeiro liberado, muito perto da data do jogo.

Vale lembrar que Cuca poderá fazer três mudanças na lista de inscritos antes da partida e mais três, caso o Palmeiras avance as semifinais. As retiradas já estão confirmadas: Alecsandro, Rafael Marques e Vitor Hugo, todos que deixaram o time nos últimos meses.